O povo que andava em trevas viu uma grande luz. E sobre os que habitavam na terra de profunda escuridão, resplandeceu a luz.

Este texto está no livro do profeta IsaíasCapítulo 9, verso 2. Faz referência a vinda de Jesus, mas o utilizo para ilustrar o efeito que as Escrituras produziram ao iluminarem o mundo que jazia em trevas, quando dos primeiros sonidos da Reforma Protestante… 


Na terra de profunda escuridão resplandeceu a luz.

Sem dúvida, o mundo de então, cuja religiosidade tinham profundas marcas do ocultismo e charlatanismo. O sofisma da falsa sabedoria e as tradições fortaleciam e alimentavam a ignorância dos povos. 

Eis aí teus deuses! Dizia o clero para caricaturas e imagens de madeira e gesso – deus, obra de mãos humanas. Assim, literalmente, vendiam a esperança de um lugar no céu, cuja única certeza eram os lucros e poder.

Quando as Escrituras brotaram nas trevas, apenas um livro. Mas, que tamanho poder, significou o revelação a autoridade e poder da palavra do próprio Deus ao mundo.

Ficara claro: Deus realmente falava com suas criaturas!!! As portas do céu foram abertas permitindo-nos conhecer o Altíssimo. Não há precedentes na história algo de tamanha magnitude. O mundo jamais foi o mesmo.

A partir de então, a humanidade percebeu a realidade. A liberdade ganhou uma dimensão impensável. Deus deu-se a conhecer, conheceu-se a Deus, o Senhor de todos os homens.

Seu poder e seu amor foram evidenciados. Sim, é Ele quem derrama suas bênçãos com as colheitas, com a sabedoria, com o cuidado. É ele quem imprimiu o amor em nossos corações.
Anunciou, 700 anos sua vinda a este mundo, sua maior manifestação de amor aos homens, Jesus, seu Cristo.  Morreu para chamar à vida aos mortos. O misticismo das velas, o falso poder temporal dos homens, o poder econômico na ostentação litúrgica passaram a ser, o que de fato são, incapazes de dar vida, e dar esperança. 

Apenas pela fé, um simples ato, substituiu a pompa do engano religioso.

A soberania do clero ruiu, os mitos e falsos misticismos foram questionados. 

E o Deus autoexistente, que mesmo além deste mundo, é sobre o mundo, conduzindo-o. Tais conhecimentos passaram a determinar a dinâmica da vida. Sim, veio deste livro, apenas um Livro, a compreensão do passado, do presente, e a certeza do futuro.

Pois, de forma surpreendente, Deus afirma e determina o que virá a ocorrer. E tudo deixou escrito no seu Livro. E apenas nele. 

O Livro. A palavra de Deus.

Sola Scriptura!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s